Homens ou mulheres, quando possuem mamilos muito desenvolvidos, ou seja, hipertrofiados, são os candidatos preferenciais ao procedimento cirúrgico de redução.

Em geral, se queixam porque possuir essa parte muito desenvolvida os constrange e chama a atenção quando vestem uma roupa mais justa ou ainda quando estão despidos.

O aumento dos mamilos pode acontecer por diversos motivos e dentre eles destacam-se os fatores hereditários, desequilíbrios hormonais e a amamentação.

Alterações hormonais, doenças hepáticas, alguns medicamentos e o uso de anabolizantes podem levar ao aumento dos mamilos e à ginecomastia (mamas masculinas).

O quadro clínico pode ir desde uma pequena nodulação ou um pequeno aumento para a frente da aréola ou mamilo, até a presença de tecido mamário que necessita de uma cirurgia de maior porte com anestesia geral.

Trata-se de um procedimento simples e que pode ser associado a outras cirurgias como a cirurgia de mamoplastia (levantamento das mamas), mamoplastia redutora ou de ginecomastia (mamas masculinas).

A redução de mamilo é um procedimento cirúrgico de caráter ambulatorial. Contudo, se estiver associado a outra cirurgia de maior porte deverá ser realizada em um centro cirúrgico, necessitando a internação do paciente.

Dra. Ana Lúcia Lemos | Cirurgiã Plástica CRM 85.517
Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica
Registro de Qualificação de Especialista | RQE 18.555

Clínica de Cirurgia Plástica em Santos
(13) 99790.2280 | (13) 3271.7065 | (13) 3231.5184
Segunda a Sexta 8 às 20 horas | Sábados 8 às 13 horas
Rua Almirante Cochrane, 137 | Embaré | Santos

Gostou desse Post?

Comente

Compartilhe

Comente

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

Últimos Post´s

Fique por dentro!

Inscreva-se para receber nosso informativo

Dra. Ana Lúcia Lemos, CRM-SP 85517 / RQE 18555.
Médica cirurgiã plástica, formada pela Faculdade de Ciências Médicas de Santos há mais de 20 anos e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Shopping Basket