procura por essa cirurgia plástica se dá por conta de dor durante as relações sexuais, algumas vezes pode estar relacionada com a anatomia, e por questões estéticas, que é a grande parte dos casos. O maior público está entre jovens, de 18 a 35 anos, sexualmente ativas e a maioria solteira.

A cirurgia genital feminina pode ser feita nos pequenos lábios, pele próxima à entrada do canal vaginal, nos grandes lábios, parte exterior da vulva e no púbis, parte mais gordinha na região frontal da genitália.

As cirurgias plásticas são utilizadas para fazer correções estéticas como diminuir os pequenos lábios, fazer lipoaspiração na região pubiana, diminuindo seu tamanho e injetar um pouco de gordura nos lábios maiores, caso eles murchem.

Diferentemente do que pensam, a ninfoplastia não é realizada para bexiga caída após a gravidez. O problema, que basicamente consiste em incontinência urinária, ocorre porque, após a gravidez, os ligamentos pélvicos ficam mais frouxos. A bexiga caída é resolvida com uma cirurgia no períneo (períneoplastia), que promove o estreitamento da parede vaginal, e essa cirurgia é uma especialidade de um médico cirurgião ginecologista.

A cirurgia íntima é indicada quando o problema incomoda a mulher. Há casos até em que a mulher sente vergonha de realizar o ato sexual de luz acessa ou até mesmo de tomar banho na companhia do esposo. A cirurgia plástica é feita com anestesia local e sedação, com duração de 45 minutos a duas horas, caso seja acompanhada de outros procedimentos na região genital.

Dra. Ana Lúcia Lemos | Cirurgiã Plástica CRM 85.517
Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica
Registro de Qualificação de Especialista | RQE 18.555

Clínica de Cirurgia Plástica em Santos
(13) 99790.2280 | (13) 3271.7065 | (13) 3231.5184
Segunda a Sexta 8 às 20 horas | Sábados 8 às 13 horas
Rua Almirante Cochrane, 137 | Embaré | Santos

Gostou desse Post?

Comente

Compartilhe

Comente

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Shopping Basket